Entenda por que os contadores erram e saiba como evitar falhas
×
A contabilidade muda. Por aqui, você acompanha.

Receba novidades sobre contabilidade no seu e-mail:

Ao enviar seus dados, você reconhece que leu e entendeu nossa declaração de privacidade. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. FECHAR
contabilidade gerencial

Entenda por que os contadores erram e saiba como evitar falhas

06 April 2020 SALVAR
Pressione Ctrl + D para adicionar esta página aos favoritos.

Um dos maiores desafios das organizações é manter as contas em dia, para garantir a sustentabilidade do negócio. É por isso que, na contabilidade do futuro, o cálculo correto dos impostos é tão importante: ele ajuda a garantir a saúde financeira da organização.  

De outro modo, o contrário também é verdadeiro: falhas nos cálculos de impostos podem custar caro para as empresas. Em alguns casos, dependendo do tamanho da multa, se torna difícil até planejar e viabilizar financeiramente o crescimento. 

Neste contexto, o papel do contador do futuro é fundamental. Ele precisa acompanhar as mudanças na legislação tributária para oferecer um serviço contábil de alta qualidade.

Sabendo deste desafio, elaboramos esse post para entender por que os contadores erram e como eles podem evitar determinadas falhas.

Quer saber mais? Continue lendo esse texto! 

A realidade do sistema tributário brasileiro 

No Brasil, o sistema tributário  é altamente complexo. Com regimes e incentivos especiais, isenções, suspensões, deduções e muitos impostos. Mais precisamente, são 93 tipos diferentes de tributos.

Além de tornar a gestão contábil das empresas cara, na prática o gerenciamento tributário exige um esforço do contador do futuro.

Como se não bastasse, a alta carga de impostos também limita as oportunidades de crescimento das organizações.

De acordo com o Doing Business 2020, estudo anual que mede como as leis e regulamentações promovem ou restringem as atividades empresariais, o Brasil ocupa o 124° no ranking dos países com mais facilidade para fazer negócios. 

A posição confirma que o país ainda precisa evoluir muito para descomplicar a gestão tributária. Enquanto isso não acontece, é preciso entender por que os contadores erram.

Mudanças recentes e as dificuldades do contador do futuro 

Com tantas mudanças, o contador do futuro tem, sim, dificuldades de acompanhar essa dinâmica. Para realizar suas entregas com eficácia, ele deve ter um conhecimento vasto não só do código tributário brasileiro. Muitas vezes, precisa conhecer a realidade de todos os países com os quais seus clientes fazem negócios. 

A falta de tempo para estudar as regras e regulamentos que permanecem em constante mudança é uma das razões. Contudo, não serve de justificativa para o cliente. Até mesmo porque os erros custam dinheiro, um recurso que os profissionais tributários são pagos para proteger.

Em 2019, uma série de mudanças tributárias foram realizadas no Brasil. As alterações fiscais exigem que o contador do futuro estude e se atualize. Somente desta maneira ele terá condições de identificar a melhor maneira de adequar o negócio do cliente.

A seguir, elencamos algumas das mudanças que, certamente, confundiram os contadores e estão exigindo adaptação.

Novo pacote XML: essa mudança marca o lançamento do novo layout do programa de envio de NF-e, NFS-e e outros documentos fiscais aos servidores. Novos campos foram incluídos impactando na rotina contábil de empresas que usam a plataforma.

Fornecimento de dados: esta alteração impactou, principalmente, o micro e pequeno empresário. Isso porque desde 2019 a quantidade de informações exigidas aumentou. Ou seja, é fundamental que o contador do futuro garanta precisão na entrega das informações. Além disso, um sistema contábil integrado, para facilitar os registros, faz toda a diferença. 

Alterações no Simples Nacional: em 2019, o Simples Nacional sofreu uma série de alterações. O número de tabelas de alíquotas, por exemplo, diminuiu de 6 para 5. Novas faixas de alíquotas também foram criadas. Além disso, novas atividades, tais como indústria ou comércio de bebidas alcoólicas, serviços médicos e representação comercial, também podem adotar o Simples Nacional como regime.

Uma nova alteração aconteceu no mês de março por conta do coronavírus. As empresas poderão adiar em três meses o pagamento do Simples Nacional.

A responsabilidade do contador

Para as empresas, gerenciar os impostos com precisão e pagá-los dentro do prazo é indispensável. Qualquer falha na gestão contábil pode resultar em multas e outras penalidades. Dependendo do tamanho do prejuízo, é possível, inclusive, que um erro de contabilidade produza impacto na saúde financeira e no crescimento da organização.

Por isso, o contador do futuro precisa se esforçar para evitar erros na apuração de impostos e na entrega das obrigações fiscais.  

Caso contrário, o seu cliente pode pagar um preço alto, direcionando tempo, dinheiro e recursos para resolver questões tributárias que deveriam ter sido feitas de maneira correta. 

Dentre os erros mais comuns é possível destacar alguns:

  1. Pagar tributos excessivos: fazendo com que o cliente perca receita. Afinal, os recursos poderiam ser investidos para outra finalidade. 
  2. Calcular impostos a menos: gerando multas possíveis e surpresas indesejadas do outro lado do balanço. 
  3. Aplicar tributação incorreta: esse erro pode afetar os preços dos produtos, impactando na competitividade da marca do seu cliente.  

O fato é que os erros tributários podem comprometer as operações de uma empresa de várias maneiras. Hoje e na contabilidade do futuro, o contador precisa garantir que tudo seja entregue dentro dos requisitos da legislação tributária. 

Software de gestão contábil: a solução para ajudar o contador do futuro 

Para entregar uma consultoria contábil com selo de excelência, a contabilidade do futuro pode contar com a ajuda da tecnologia. Um software de gestão contábil é a melhor solução. 

Como o sistema é automatizado, ele auxilia o contador em várias tarefas com, por exemplo, no cálculo das obrigações tributárias dos seus clientes. 

Dentre as soluções disponíveis no mercado, o Contábil Premium é uma das melhores alternativas. Isso porque o software entrega uma série de funcionalidades para o contador do futuro.

O sistema auxilia em várias frentes. Confira 3 delas:

  1. Comparativo de tributação: para ajudar você a definir o melhor regime para o seu cliente;
  2. Consulta de legislações ou roteiros: visualize informações legais sobre o processo que você está realizando.
  3. Incentivos fiscais: tenha sempre a informação atualizada dos incentivos fiscais, para auxiliar o cliente na redução de impostos.

Depois de entender por que os contadores erram, você tem ao seu alcance a melhor solução para evitar qualquer tipo de falha. 

Quer saber mais sobre o Contábil Premium e entender como ele pode ajudar? Entre em contato conosco! 

Nossa Declaração de Privacidade e Política de Cookies

Todos os sites da Thomson Reuters usam cookies para melhorar sua experiência on-line. Eles foram colocados no seu computador quando você acessou este site. Você pode alterar suas configurações de cookie através do seu navegador.