O eSocial é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações pelo empregador em relação aos seus empregados. Embora o prazo inicial para implantação do projeto tenha sido prorrogado, o assunto ainda gera muitas dúvidas para os contabilistas de todo o Brasil.

Por isso a Domínio Sistemas, em parceria com os Sindicatos dos Contabilistas de algumas regiões, oferece cursos sobre o tema para os clientes. O advogado tributarista Edison Garcia é o responsável por levar os esclarecimentos necessários através destes eventos. Na terça-feira (14/01), Edison esteve em Araranguá onde reuniu mais de 110 profissionais. Na quarta-feira foi a fez de Criciúma quando 173 contabilistas lotaram o auditório Diomício Vidal, na Acic e no dia seguinte (16/01) foi a vez de Tubarão. Cerca de 80 pessoas puderam tirar suas dúvidas no encontro realizado no Sindicont.
No curso, realizado durante o dia todo, Edison tenta aliar de uma maneira mais leve e compreensível toda a teoria e dicas práticas em relação ao eSocial. Segundo ele, os contadores devem se basear em um tripé para obterem a segurança necessária neste período de transição:  informação, conhecimento legal e software 100% integrado e seguro para facilitar o trabalho.

"O software precisa ser competente e sério, e estar em constante evolução para acompanhar as mudanças. Conheço bem a Domínio e fico tranquilo ao afirmar que a empresa está preparada para o eSocial", destacou ele que possui pouca crença na implantação do eSocial em 2014. "Ainda há muito o que fazer e o governo não está preparado para iniciar este projeto, tudo é muito complexo. De qualquer maneira o contador precisa estar preparado para estas mudanças", disse.
Questionado sobre o impacto que o eSocial vai gerar sobre a vida dos cidadãos, Edison diz que acredita nesta possibilidade, porém, a longo prazo. "Vai chegar a um ponto onde a Receita Federal conseguirá controlar muito bem o cruzamento de informações sobre os trabalhadores. E começa a ficar mais difícil manter rendimentos não declarados", enfatizou Edison.
Todas as dúvidas sobre eSocial podem ser esclarecidas no portal: www.esocial.gov.br.

Alimentos arrecadados para entidades

Nos três eventos realizados pala Domínio na região sul catarinense, os participantes colaboraram com a doação de um quilo de alimento não perecível. Toda a arrecadação foi doada para entidades beneficentes atuantes nos municípios. Em Criciúma a instituição escolhida foi a Associação Sul Catarinense de Amigos e Familiares de Portadores de Distrofias Musculares Progressivas (Ascadim). "Os cursos foram muito bons e ao todo, reunimos quase 400 pessoas para esclarecer um assunto que gera muitas dúvidas entre os profissionais de contabilidade. É muito bom começar o ano em contato direto com o cliente. Além disso ainda pudemos auxiliar algumas entidades com a doação dos alimentos", destacou o gerente da filial da Domínio Sistemas em Criciúma, Jan Antunes.


O que é o eSocial?
O Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações pelo empregador em relação aos seus empregados. Está sendo desenvolvido, em conjunto, pela Caixa Econômica Federal (CAIXA), pelo do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), pelo Ministério da Previdência Social (MPS), pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e pela Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB).   

Qual o objetivo do eSocial?
Viabilizar a garantia de direitos previdenciários e trabalhistas;
Simplificar o cumprimento de obrigações; e
Aprimorar a qualidade de informações das relações de trabalho,
previdenciárias e fiscais.

Quais os benefícios do eSocial?
A prestação das informações ao eSocial substituirá a entrega das mesmas informações em outros formulários e declarações a que estão sujeitos os obrigados ao eSocial, com padronização das informações e redução da quantidade de obrigações.
O eSocial permitirá ao empregador atuar com maior transparência e segurança jurídica, evitando assim passivos fiscais e trabalhistas desnecessários.  

Quem será obrigado a utilizar o eSocial?
Os empregadores, inclusive o doméstico, a empresa e a eles equiparados em legislação específica; e o segurado especial inclusive em relação a trabalhadores que lhe prestem serviço.


Compartilhe