O estudante de uma escola em Moscou, na Rússia, Stepan Sopin, de 12 anos, ainda está se recuperando da leucemia e, por isso, não pode estar presente em sala de aula. Para que ele não perca o ano, um robô de plástico o está substituindo.

Por mei


Compartilhe